Energia solar permite economia na conta de luz

Não é de hoje que a utilização de equipamentos de energia solar (ou fotovoltaica) está em franca expansão, mas com os recentes aumentos nas tarifas da conta de luz, a busca por este tipo de fonte tem crescido cada vez mais.

Conforme dados divulgados neste ano pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) em conjunto com a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica, 2021 foi o ano em que houve o maior número de fontes fotovoltaicas instaladas no Brasil. De acordo com o estudo, foram 10,4 MW instalados em todo o país, demonstrando a facilidade de implementação tanto em residências, quanto em empresas. O dado, além de indicar o crescimento constante deste tipo de energia, também está em consonância com as recentes informações divulgadas pelo Ministério de Minas e Energia, que apontam as fontes renováveis de energia, entre elas, a solar, com 46,1% de participação na matriz energética do país.

Antes, é importante lembrar que qualquer local com padrão ligado à rede pode receber um sistema de energia solar. Previamente a etapa de projetos, o engenheiro vai dimensionar um sistema fotovoltaico para atender o consumo de energia desejado, e informar quais adequações o cliente tem que fazer para que este sistema seja eficiente, só então este projeto será encaminhado para a concessionária de energia que fará a avaliação, verificando se o mesmo atende aos requisitos técnicos necessários.

Facilidade na hora de investir

Para fomentar a utilização deste tipo de energia, a Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG dispõe de uma linha de crédito específica para energia solar, com condições e prazos extremamente vantajosos. O gerente da agência de São Carlos/SC, Moisés Zucchi, destaca que a Cooperativa está alinhada aos principais valores de sustentabilidade. “As pessoas estão cada vez mais conscientes que o planeta precisa dessas alternativas limpas para que, no futuro, nossos filhos e netos tenham qualidade de vida e a Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG quer contribuir para que essa melhoria seja constante e crescente. Para isso, possuímos linhas de créditos pré-aprovados aos nossos associados para aquisição de energia renovável, facilitando na hora de investir em sustentabilidade”, frisou.

Além disso, o gerente também explica que, quem faz as contas não hesita em aderir à inovação. “Muitos associados estão investindo em equipamentos para a geração de energia solar, com o intuito de reduzir a conta de luz e ainda cooperar com um mundo mais sustentável. O Sicredi conta com linhas de crédito voltadas para a energia solar fotovoltaica. Esta é uma linha de crédito para quem quer investir e ter o seu próprio gerador e captar energia solar no próprio imóvel, seja residencial ou empresarial”, destacou.

Conta mais baixa e imóvel valorizado

Um dos associados que já percebeu os benefícios de adquirir equipamentos de energia fotovoltaica é Silvério José Watte, de São Carlos/SC. “Buscamos a energia solar, em razão do alto custo atual da conta de luz e foram vários os benefícios para mim e minha propriedade. Além de ser uma energia limpa, é uma conquista para a propriedade, por ser o investimento que deu mais resultado até o momento”, ressaltou o associado.

Watte lembra que este é um investimento a longo prazo, afinal, as placas de energia fotovoltaicas possuem, em média, vida útil de 25 anos. “Nós nunca tivemos um financiamento com juros tão baixos quanto esses. É um investimento que valoriza a propriedade, embora seja uma economia para o bolso também e dá um destaque para a propriedade em valorização e sustentabilidade rural”, destacou.

Vá até a agência mais próxima de você, conheça as condições de financiamento para adquirir o seu equipamento de energia fotovoltaica e economize na conta de luz!

Veja também

Publicado segunda às 16:36

Você pode estar seguro durante suas férias!

Publicado em 16/12/2021 às 15:50

7 situações em que você pode acionar o Seguro Auto

Publicado em 13/01/2022 às 09:16

Vai viajar? Confere as dicas que temos para você