Teia

Solidariedade fio a fio

O voluntariado representa uma força vital para o engajamento do cidadão comum em iniciativas que transformam sua realidade em diversos aspectos. São ganhos concretos em indicadores de desenvolvimento, que têm potencial para serem multiplicados, se conjugados estrategicamente com os objetivos propostos para 2030.

O Programa Teia nasce da essência da cooperação instituída na Sicredi Alto Uruguai RS/SC/MG e tem como objetivo geral promover a inovação do voluntariado com o engajamento do público interno e externo, com propósito de realizar a cooperação e intercooperação das entidades e pessoas, criando uma grande teia de solidariedade com o olhar de abundância e prosperidade nas localidades aonde está inserida.

Com o programa Teia é possível atender as demandas da Agenda 2030, com o foco nas pessoas e na comunidade, agregando para a construção de um mundo sustentável e cooperativo.

Objetivos específicos

  • Construir uma grande teia de solidariedade entre as pessoas e entidades ligadas a Sicredi Alto Uruguai;
  • Estimular a cooperação entre as pessoas, entidades e causas que possam contribuir para o desenvolvimento de nossa região;
  • Contribuir com o Pacto Global - ODS, Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável.
  • Estimular a prática do voluntariado entre os colaboradores e demais públicos relacionados à Cooperativa;

Princípios enquadradores do voluntariado

O voluntariado obedece aos princípios da solidariedade, da participação, da cooperação, da complementaridade, da gratuidade, da responsabilidade e da convergência.

Solidariedade – Responsabilidade de todos os cidadãos na realização dos fins do voluntariado.

Participação – Intervenção de voluntários e de entidades promotoras em áreas de interesse social.

Cooperação – Combinação de esforços e de projetos de entidades promotoras de voluntariado.

Complementaridade – O Voluntário não deve substituir os recursos humanos das entidades promotoras.

Gratuidade – O Voluntário não é remunerado pelo exercício do seu voluntariado.

Responsabilidade – O Voluntário é responsável pelo exercício da atividade que se comprometeu realizar, dadas as expectativas criadas aos destinatários desse trabalho voluntário.

Convergência – Harmonização da atuação do voluntário com a cultura e objetivos da entidade promotora.

 

Dia C

O Dia de Cooperar (Dia C), nasceu em 2009 como um projeto inovador, realizado pelo Sistema OCEMG. O objetivo é desenvolver ações de responsabilidade social colocando em prática os valores e princípios do Cooperativismo, por meio de ações voluntárias. 

Em 2015 o Sistema OCB decidiu vincular as iniciativas do Dia de Cooperar à agenda mundial proposta pela Organização das Nações Unidas (ONU) e que previa a realização de ações apoiadas no escopo dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM).

Hoje o Dia C já é um grande movimento nacional de estímulo às iniciativas voluntárias diferenciadas, contínuas e transformadoras, realizadas por cooperativas, com o irrestrito apoio do Sistema OCB e de suas unidades estaduais, fazendo parte da agenda estratégica do Cooperativismo brasileiro.

Nas mobilizações de 2021, onde o foco foi a arredação de alimentos, mais de 10 TONELADAS foram obtidas, se convertendo em mais de 800 CESTAS BÁSICAS. 

Notícias Relacionadas

12 de Agosto de 2021 às 09:40

Campanha do Dia C arrecada mais de 10 toneladas de alimentos